sexta-feira, 30 de julho de 2021

Presidente do PT Augusto Lobato presenteia o governador Flávio Dino com um tabuleiro de Xadrez



Não é atoa que o governador Flavio Dino lançou o xadrez nas escolas em março de 2017. “Esse projeto é importante para melhorar a educação do nosso estado. A prática esportiva é um direito, xadrez é praticado mundialmente como instrumento importante para qualificação da população e nós temos o privilégio de ter um campeão mundial de xadrez aqui do Maranhão e o projeto vai ser um grande sucesso”, destacou o governador Flávio Dino que, com Rafael Leitão, jogou uma partida de xadrez com os alunos. O jogo político é um processo no qual, assim como no xadrez, qualquer erro pode sair muito caro, custando a vitória. Por isso, é necessária muita reflexão antes de se executar qualquer movimento. Naturalmente, alguns políticos jogam melhor que outros – não se pode esperar a excelência universal, afinal, alguém sempre precisa sair perdendo. Aprender com os erros também é importante nesse sentido, já que o erro de hoje pode ser a vitória de amanhã.

É isso que o governador Flavio Dino tem feito no Maranhão, jogando e colocando as peças em seu devido lugar, não é tarefa fácil, Com base nesse jogo, que não são de cartas marcadas, que o presidente do PT, Augusto Lobato, presenteou o governador com um Tabuleiro de Xadrez, para que Flávio Dino fique atento aos desdobramentos politico para não pegar um xeque-mate.

Enxadristas estudam diversas aberturas. Abertura é o nome dado à parte inicial do jogo, em que o posicionamento das peças é essencial e todos os movimentos são previamente estudados com muito afinco. Não se engane, pois cada peça – da rainha ao peão – é fundamental para que se possa estar bem posicionado para as outras duas etapas do jogo: o meio-jogo e o fim da partida.

Nova ferramenta para gestão de recursos públicos é apresentada em reunião


Uma nova ferramenta para tornar mais transparente a aplicação de recursos públicos entre Estado e prefeituras foi apresentada por representantes do Banco do Brasil a membros do Ministério Público do Maranhão, nesta sexta-feira, 30. O objetivo da plataforma é auxiliar na fiscalização e transparência dos recursos repassados aos entes públicos e no combate à corrupção no Estado.

A reunião foi presidida pelo procurador-geral de justiça, Eduardo Nicolau, com a presença da secretária de Estado de Planejamento e Orçamento, Cynthia Mota Lima, do procurador-geral do Estado, Rodrigo Maia, do gerente-geral do Banco do Brasil, Gilberto Pinto, além de outros representantes do BB.

Pelo MPMA, participaram também os promotores de justiça José Márcio Maia Alves, diretor da Secretaria para Assuntos Institucionais (Secinst), que coordenou a reunião; Nahyma Abas, coordenadora do Centro de Apoio Operacional da Probidade Administrativa (CAOp-Proad); Marcos Valetim Pinheiro Paixão, 1ª Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa; Ednarg Fernandes Marques, diretor da Assessoria Técnica da PGJ; Joaquim Ribeiro de Souza Júnior, assessor especial do PGJ; e Reinaldo Campos Castro Júnior, titular da Comarca de Raposa e vice-presidente da Associação do Ministério Público do Estado do Maranhão (Ampem).
O desenvolvimento da ferramenta BB Gestão Ágil é fruto de uma Ação Civil Pública, com pedido de liminar, contra o Banco do Brasil, de autoria do promotor de justiça Marcos Valetim Pinheiro Paixão.

O objetivo da ACP, que tramita na Vara de Interesses Difusos e Coletivos, é proibir a realização dos denominados “saques na boca do caixa” de recursos repassados, bem como evitar que recursos oriundos de repasses e convênios sejam mantidos em contas específicas.
A reunião foi organizada pela Secinst, por solicitação do CAOp Proad e da 28ª promotoria especializada, para que houvesse a adesão do Estado. “Além da nossa adesão, que está sendo feita, dependemos também da adesão do próprio Estado para carregar as informações acerca dos repasses das verbas. O Estado aderindo e colocando nos convênios a obrigação de que as informações sejam carregadas no sistema BB Gestão Ágil incrementará muito a atuação dos promotores de justiça”, ressalta o promotor de justiça José Márcio Maia Alves.

De acordo com o diretor da Secinst, a ideia é que, após a assinatura do Termo de Cooperação Técnica, o MPMA consiga consultar as informações referentes aos repasses de recursos públicos de forma eletrônica, por meio de uma API (Application Programming Interface). “Isso vai garantir a interoperabilidade com o sistema do Banco do Brasil. Podemos ter várias possibilidades nessa API para auxiliar o trabalho dos promotores de justiça”, destacou.

A coordenadora do CAOp-Proad, Nahyma Abas, reforçou que o sistema atende a uma demanda dos promotores de justiça, que poderão acompanhar em tempo real a movimentação de recursos públicos.

“Sempre defenderemos toda e qualquer ação que vise o combate à corrupção e a correta aplicação dos recursos públicos no nosso estado”, assegurou o procurador-geral de justiça, Eduardo Nicolau.

VLI foca em fornecedores locais para obras e operação do Terminal Integrador de Porto Franco


Previsto para entrar em operação em 2022, o ativo deve gerar novas oportunidades de negócios na região

Previsto para entrar em operação no primeiro semestre de 2022, o Terminal Integrador de Porto Franco, no Maranhão, deve aquecer a economia local com a geração de mais de 100 empregos no Estado, ainda no período das obras, e tornar-se uma oportunidade a mais de negócios para fornecedores da cidade. O assunto foi abordado no 1º Workshop de Orientação para Fornecedores de Porto Franco, promovido pela Prefeitura de Porto Franco, que contou com a presença de representantes da VLI e do Sebrae/MA.

Durante o evento, ocorrido nessa quarta-feira (28), em formato híbrido, mais de 20 empresários participantes receberam informações sobre as operações da VLI na região, as possibilidades e os critérios adotados pela empresa para as compras locais. "Apresentamos aos empresários as demandas que surgirão a partir do início da operação de transbordo de cargas, por parte da VLI, porque criar valor compartilhado é um dos nossos propósitos. Queremos desenvolver a logística do nosso país e a região por onde passamos", explicou o gerente de Terminal da VLI, Pedro Augusto Gomes Ferreira.

De acordo com o analista de Suprimentos Horleilton Santos das Neves, o objetivo é contribuir com o fomento da economia na região. Sendo assim, os fornecedores locais estão entre as prioridades de compras da empresa. Essa, a propósito, é uma prática da companhia nas regiões em que opera. Estratégia semelhante à de Porto Franco foi realizada em Açailândia e Imperatriz.

Segundo Horleilton das Neves, para o Terminal de Porto Franco deverão ser demandados produtos como materiais de expediente, construção, elétrico, de serviços de limpeza, manutenção em geral, entre outros. Para isso, é importante que o fornecedor fique apto para essa possibilidade de negócios com a VLI. O primeiro passo nesse sentido é acessar o endereço http://vli.supplier.ariba.com/register e fazer um cadastro.

Sobre o Terminal

Em junho, A VLI, companhia de soluções logísticas que integra ferrovias, terminais e portos; e a Valec Engenharia, Construções e Ferrovias S.A. assinaram o contrato de concessão do Terminal Integrador de Porto Franco (MA). O ativo estará sob administração da VLI pelos próximos 15 anos, com possibilidade de renovação por mais cinco. A empresa vai investir, entre obrigações contratuais, adequação e capacitação do terminal, mais de R$ 20 milhões durante o período. O ativo conta com estruturas de armazenagem e transbordo de grãos e a previsão é de elevar a movimentação de cargas na região.

Sobre a VLI

A VLI tem o compromisso de apoiar a transformação da logística no país, por meio da integração de serviços em portos, ferrovias e terminais. A empresa engloba as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais intermodais, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais como em Santos (SP), São Luís (MA) e Vitória (ES). Escolhida como uma das 150 melhores empresas para trabalhar pela revista Você S/A, a VLI também foi eleita a mais inovadora empresa de transporte e logística, pelo Prêmio Valor Inovação Brasil 2020, e conquistou o 1º lugar na categoria Transporte e Logística das Melhores, da IstoÉ Dinheiro. A VLI transporta as riquezas do Brasil por rotas que passam pelas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste.

Pessoas de 18 a 45 anos, vacinadas com 2ª dose contra a Covid-19, concorrem em nova campanha do Maracap



Embalado pelo grande sucesso da primeira edição da campanha 'Vacine Já! No Maracap a Segunda Dose Vale Prêmio, o Título de Capitalização resolveu continuar a promoção que incentiva as pessoas a se vacinarem. Porque sim, vacina salva vidas! Agora chegou a vez das ‘novinhas’ e dos ‘novinhos’ também poderem participar. A segunda etapa da campanha ‘2ª Dose Vale Prêmio’ quer vocês com muita saúde e sempre juntos do Maracap!

O prêmio agora será de R$ 6 mil reais em dinheiro para quem tomar a 2º dose do imunizante e seguir rigorosamente as regras do sorteio, que são muito simples: você precisa apresentar o seu comprovante da segunda dose da sua vacina; seguir o Instagram Oficial do Maracap; comentar na foto oficial do Maracap: Eu Vacinei! e ter entre 18 e 45 anos. Resultado no dia 15 de setembro de 2021, às 19h, no Instagram do Maracap. Vacine-se! Participe! Boa sorte!

Senadores classificam live de Bolsonaro sobre urna eletrônica como ataque à democracia


Em transmissão ao vivo pela TV Brasil, Bolsonaro exibiu vídeos e teorias que já foram desmentidos pelo Tribunal Superior Eleitoral

Senadores criticaram, pelas redes sociais, live realizada pelo presidente Jair Bolsonaro em que ele voltou a dizer, sem apresentar provas, que houve fraude nas eleições de 2018. Para eles, a transmissão ao vivo feita na noite de quinta-feira (29) foi “constrangedora”. E a classificaram como um “grave” ataque ao sistema democrático brasileiro.

“Bolsonaro fez acusações gravíssimas e criminosas, mostrando vídeos que já foram desmentidos, contra a Justiça Eleitoral. Foi grotesca a live de Bolsonaro e um grave ataque à democracia. Ao usar recursos públicos, uma TV pública e a cadeira presidencial para disparar acusações contra instituições e o processo democrático, ele avança em sua tática golpista. Precisamos reagir!”, alertou o líder do PT, senador Paulo Rocha (PA).

O presidente havia prometido apresentar durante a transmissão provas de que houve fraudes nas eleições de 2018, no entanto, voltou a exibir vídeos e teorias que circulam há anos pela internet e que já foram desmentidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Para a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), ao agir dessa maneira, o mandatário se tornou alguém “sem nenhuma credibilidade”.

“Em uma live com vídeos requentados e teorias delirantes, o presidente não provou absolutamente nada contra as urnas eletrônicas. Mais um blefe para uma plateia cada vez menor e mais radical. É o remake da cloroquina”, criticou.

De acordo com o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), “as teorias conspiratórias” apresentadas por Bolsonaro são criadas pelo próprio mandatário para desestabilizar a democracia.

“Não sei o que é pior: um presidente tão estúpido que acredita em teorias conspiratórias de WhatsApp ou um tão canalha que inventa as teorias conspiratórias de WhatsApp. No final das contas dá no mesmo, são ataques diários contra a democracia. É uma doença que vamos curar no voto”, afirmou.
Crime de responsabilidade

Na avaliação do senador Humberto Costa (PT-PE), o presidente não pode levantar suspeitas sobre o sistema eleitoral e seguir impune. Ele acusou o mandatário de ter cometido crime de responsabilidade ao fazer a afirmação e transmiti-la na TV Brasil. O conteúdo foi exibido ao vivo na TV estatal, com uso de equipe e a grade da emissora.

“Bolsonaro fez uma TV pública transmitir ao vivo suas mentiras e cometeu um claro crime de responsabilidade, ameaçando o sistema democrático no país. Foi o maior ataque ao direito de voto desde a redemocratização. E o mais grave: usando a estrutura do Estado brasileiro para isso”, acusou.

O senador Rogério Carvalho (PT-SE) reforçou as críticas.

"Não temos provas, mas indícios, diz Jair Bolsonaro em mais uma tramoia contra o Brasil. A consequência mais grave dos 'indícios' que a Lava Jato tinha contra o Lula é termos esse embuste como presidente e tantas vidas perdidas por ambição”, reforçou.

Já o senador Alvaro Dias (Podemos-PR) replicou em uma rede social a defesa do presidente do TSE, Luis Roberto Barroso, ao modelo de votação eletrônico, que vigora no Brasil desde 1996.

“'Uma fraude exigiria que muita gente no TSE estivesse comprometida. Ia ser uma conspiração de muita gente. Não há precedente e não há razão para se mexer num time que está ganhando', afirmou o também ministro do STF. E você, concorda com ele? Ou é a favor da retomada do voto impresso?”, questionou o senador aos seus seguidores.

Assembleia Legislativa retoma atividades presenciais com sessões de terça a quinta-feira


As sessões plenárias na Alema serão realizadas de terça a quinta-feira, obedecendo ao sistema híbrido (presencial e remoto)

A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Maranhão, por meio da Resolução Administrativa nº 538/2021, publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (30), determina a retomada dos trabalhos presenciais no Parlamento Estadual com a realização das sessões plenárias às terças, quartas e quintas-feiras, obedecendo ao sistema híbrido (presencial e remoto). Todas as atividades da Casa, a partir da próxima segunda-feira (2), serão realizadas no horário das 8h às 18h.

O presidente do Legislativo maranhense, deputado Othelino Neto (PCdoB), afirmou que a volta do expediente normal acontecerá passo a passo e com muito rigor. “Tomaremos todos os cuidados sanitários necessários para preservar a saúde de todos. As nossas sessões plenárias híbridas acontecerão às terças, quartas e quintas-feiras, permitindo ao parlamentar participar tanto na forma presencial como remotamente, se assim o desejar”, declarou Othelino.

As sessões solenes também serão retomadas a partir do dia 2 de agosto, limitadas a apenas duas por mês e serão realizadas no modo híbrido (presencial e remoto), com o número máximo de 10 convidados por evento, e transmitidas pela TV Assembleia e redes sociais.

Os serviços e atividades regulares da Casa voltarão na forma presencial. Servidores públicos, colaboradores e prestadores de serviços devem retornar ao exercício de suas atividades presenciais a partir do próximo dia 2 de agosto, exceto as mulheres grávidas.

Acesso

Ainda de acordo com a Resolução, será permitido o acesso ao Plenário de apenas um assessor por deputado, durante as sessões ordinárias e extraordinárias, no total de 20, obedecendo ao sistema de rodízio. Está vedado o acesso dos servidores e do público em geral à galeria. As reuniões das Comissões Permanentes e Temporárias serão realizadas apenas na forma presencial, sem público, não sendo adotado o sistema híbrido.

Já as audiências públicas das Comissões Permanentes e Temporárias poderão ser realizadas na forma híbrida (presencial e remota) ou apenas presencial. Nos dois casos, deverão obedecer ao limite de 50% da capacidade do local de realização – Plenarinho, auditórios ou salas das Comissões.

A Resolução Administrativa determina, ainda, que o uso das máscaras faciais de proteção é obrigatório para todas as pessoas dentro das instalações da Assembleia Legislativa.

Famem participa do ato de sanção da Lei que cria o Prêmio Escola Digna e a Bolsa Auxílio Educacional

Representando a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), o prefeito de Trizidela do Vale, Deibson Balé, participou nesta quinta-feira (29), da solenidade de sanção, pelo governador Flávio Dino, da lei que oficializa o Prêmio Escola Digna e o Bolsa Auxílio Educacional, que integram o programa Escola Digna. 

As iniciativas têm como objetivo estimular os indicadores educacionais do Maranhão concedendo prêmios a escolas e auxílio em dinheiro a educadores. Tanto o Prêmio Escola Digna quanto o Bolsa Auxílio Educacional são frutos do Projeto de Lei nº 319/2021, de autoria do Poder Executivo Estadual, aprovado por unanimidade na Assembleia Legislativa do Maranhão (Alema), no último dia 13 de julho.

O prefeito Deibson Balé destacou a importância dos programas e pontuou que a Federação dos Municípios vai contribuir com as iniciativas. "A Famem se coloca à disposição para contribuir no sentido de mobilizar os gestores municipais para que, a partir do Prêmio Escola Digna e do Bolsa Auxílio Educacional nós possamos estimular cada vez mais a educação do nosso estado no intuito de alcançarmos indicadores ainda melhores", ressaltou

Prêmio Escola Digna
O Prêmio Escola Digna tem por finalidade condecorar as escolas públicas que tenham obtido, no ano anterior ao da concessão, os melhores resultados de aprendizagem. A estratégia estabelece mecanismos de incentivos para melhoria dos indicadores, a partir da distribuição de recursos, a título de premiação ou contribuição financeira, tendo como base os resultados obtidos nas avaliações do Sistema Estadual de Avaliação do Maranhão (Seama), o exame é aplicado anualmente, de forma censitária, com os estudantes do 2º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental. 

As escolas premiadas recebem um auxílio financeiro de R$ 40 mil a R$ 60 mil, definidos conforme o número de estudantes avaliados. Em contrapartida, as escolas premiadas devem apoiar as escolas que obtiverem os piores desempenhos no Seama, como explicou o governador em coletiva à imprensa. 

“Poderão ser premiadas até 80 escolas, desde que elas obtenham desempenho entre nota 6 e nota 10. Mas essas escolas terão que apoiar as escolas de pior desempenho. Nós teremos, após a aplicação dos testes e das provas do Seama, até 80 escolas premiadas e até 80 escolas apoiadas e os dois grupos vão receber recursos financeiros para que as premiadas continuem avançando e ao mesmo tempo assessorem as escolas de pior desempenho”, detalhou o governador.

Bolsa Auxílio Educacional 

Já o Bolsa Auxílio Educacional concederá auxílio mensal de R$ 600,00 a R$ 4.500,00 ao profissional da educação ao profissional da educação, servidor público ou não que, em decorrência do desenvolvimento de atividade formativa ou realização de pesquisa no ensino básico, participe em caráter eventual, de processo de formação, avaliação educacional, acompanhamento técnico pedagógico ou gestão de programas ou ações desenvolvidas com vistas à melhoria dos indicadores educacionais desenvolvidos pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc), em regime de colaboração com os municípios.

O processo de concessão das bolsas será regido por edital específico a ser divulgado no mês de agosto deste ano. O pagamento das bolsas terá um investimento mensal (médio) de mais de R$ 500 mil.

Flávio Dino destacou a importância do Seama – ferramenta implementada pela atual gestão em 2019 – para aplicação objetiva do Prêmio Escola Digna e para o mapeamento da evolução da aprendizagem no estado. 

“Antes os gestores escolares, seja de nível estadual, seja de nível municipal, caminhavam na escuridão e agora nós temos um sistema seguro, objetivo, que mensura a evolução das escolas ao longo do tempo e permite, portanto, que nós possamos alcançar, no que se refere ao Ideb [Índice de Desenvolvimento da Educação Básica], que é o índice nacional, aquilo que temos buscado, um Ideb cada vez mais alto, porque isso significa mais qualidade de aprendizagem para nossas crianças e para os nossos jovens”, frisou Flávio Dino.

O ato de sanção do Projeto de Lei contou com a participação dos secretários de Estado da Educação, Felipe Camarão, e da Casa Civil, Marcelo Tavares, dos deputados estaduais, Adelmo Soares e Thaíza Hortegal, além de representantes de organizações da sociedade civil, empresas e de órgãos do governo do estado.

Famem participa da abertura do 18º Fórum Estadual da Undime


Representando a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), o prefeito de Tuntum e tesoureiro da entidade, Fernando Pessoa, participou nesta quinta-feira (29), da abertura do 18º Fórum Estadual da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).

Com o tema “A Importância da Undime na Gestão das Políticas Educacionais", o evento é voltado para os Dirigentes Municipais de Educação e acontece até esta sexta-feira (30), no Teatro Zenira Fiquene, da Faculdade Pitágoras, em São Luís.

Em sua fala, Fernando Pessoa destacou a importância da união de todos os agentes públicos para a retomada da Educação no Maranhão, no momento de retorno das aulas nas redes municipal e estadual de ensino.

"Precisamos trabalhar irmanados para melhorar a educação dos nossos municípios. Hoje, a educação do nosso estado, tem sido prejudicada por conta da pandemia, mas agora com a união da Undime, da Secretaria Estadual de Educação, da Famem e da boa vontade de todos os prefeitos e prefeitas, iremos já a partir de agosto, voltar a avançar nos índices da Educação do Maranhão", pontuou.

O evento de abertura do 18º Fórum Estadual da Undime contou ainda com as participações do presidente da entidade, Marcony Wellython Oliveira; do secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão; da chefe do escritório do Unicef no Maranhão, Ofélia Silva; e de representantes de outras entidades representativas educacionais em nível estadual e regional.

Ponto de Cultura Arte Nossa encerrará atividades dia 31 na Casa das Minas

 


O Ponto de Cultura Tambor de Crioula Arte Nossa realiza desde 2007 oficinas de Tambor de Crioula para crianças do Centro-Histórico de São Luís . Dando continuidade em suas ações foram realizadas oficinas de Tambor de Crioula para crianças nos dias 07,14 de Julho na Casa das Minas, sendo que no dia 31 será realizado o encerramento das atividades. O projeto neste ano de 2021 tem o apoio do Centro Cultural da Vale do Maranhão. Para Simei Dantas as oficinas são uma forma de salvaguardar o patrimônio imaterial repassando os saberes e fazeres do Tambor de Crioula para as novas gerações. Já para Júnior Catatau as ações fortalecem e buscam manter viva essa tradição cultural maranhense herdada dos nossos antepassados e ancestrais. Uma forma de manter viva a memória dos Mestres da cultura popular!!!

Othelino destina R$ 1 milhão em emendas para recuperação de estradas vicinais em Parnarama


Othelino assina convênio que garante a execução de obras para melhoria de estradas vicinais em Parnarama

O município de Parnarama foi contemplado, nesta quinta-feira (29), com R$ 1 milhão em emendas parlamentares, destinadas pelo presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), para a execução de obras de melhorias das estradas vicinais, em parceria com o Governo do Estado. A iniciativa soma-se a outras ações viabilizadas pelo parlamentar, que já beneficiaram o município em diversas áreas.

O convênio foi assinado pelo chefe do Parlamento Estadual, o prefeito Raimundo Silveira, o secretário-adjunto de Política Interna da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF), Ronaldo Chaves, e o secretário de Estado de Articulação Política, Rubens Júnior, durante uma ampla agenda na cidade, que contou também com a presença do deputado estadual Ricardo Rios (PDT).

Othelino pontuou que a Zona Rural de Parnarama é maior do que a área urbana, o que demanda, também, mais atenção para as necessidades da população que reside nos povoados.

“Por isso, atendemos à solicitação do prefeito Raimundo Silveira e destinamos emendas para dar mais trafegabilidade à Zona Rural do município. Nós temos conseguido ajudar o município e continuaremos trabalhando para trazermos, cada vez mais, benefícios aos parnaramenses”, garantiu o parlamentar.

Na ocasião, o chefe do Legislativo maranhense anunciou ainda que, nos próximos 30 dias, será iniciada uma nova etapa do programa ‘Mais Asfalto’ em Parnarama e realizada a assinatura de um novo convênio, desta vez, para o calçamento de ruas.
Othelino, o prefeito Raimundo Silveira e o secretário Rubens Júnior acompanham imunização de moradora de Parnarama no 'Arraial Municipal da Vacinação'

Saúde e educação

Ainda em Parnarama, Othelino esteve no ‘Arraial Municipal da Vacinação’, realizado no povoado Paiol do Centro. A ação contou com o apoio do parlamentar, que viabilizou as doses do imunizante, junto à Secretaria de Estado da Saúde (SES), após solicitação do prefeito Raimundo Silveira.

“O deputado Othelino está sempre nos ajudando nas nossas demandas. São muitas ações, como o ‘Arraial da Vacinação’, as obras do ‘Mais Asfalto’, distribuição de cestas básicas, melhorias das estradas vicinais e outras iniciativas que contribuem para alavancar o nosso município”, pontuou Raimundo Silveira.

Em seguida, a comitiva deslocou-se para o povoado Brejo de São Félix, onde aconteceu a reinauguração da Escola Municipal Manoel Rodrigues da Silveira, que passou por obras de reforma e ampliação. A unidade de ensino possui dez salas de aula e atende a crianças e adolescentes, do Ensino Infantil ao Fundamental, de cinco comunidades.

Presidente da Assembleia participa da reinauguração da escola Manoel Rodrigues da Silveira em Parnarama

quinta-feira, 29 de julho de 2021

Senadora Eliziane Gama propõe que beneficiários do Bolsa Família sejam prioridade na vacinação contra a covide19


Faixa da população mais afetada pela pandemia de covid-19 deve ter prioridade na vacinação, propõe a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA

Beneficiários do programa Bolsa Família podem passar a fazer parte dos grupos prioritários de vacinação contra a covid-19. É o que prevê o PL 1.990/2021, em análise no Senado A intenção é proteger do coronavírus a parte da população mais afetada pela pandemia: tanto pela doença, à qual está mais exposta, quanto pelos efeitos econômicos da crise sanitária. Além disso, a sobrecarga do Sistema Único de Saúde (SUS) afeta o tratamento médico aos mais pobres, observa a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), autora do projeto.

Ao apresentar a proposta, Eliziane Gama citou o relatório O Vírus da Desigualdade, lançado pela Oxfam Brasil, organização de combate à desigualdade social. Segundo a senadora, o documento mostra que as pessoas mais ricas recuperam em tempo muito menor as perdas econômicas oriundas da proliferação do coronavírus, enquanto os mais pobres terão que esperar mais de uma década para isso.

Ela também citou o número de pessoas em situação de pobreza e extrema pobreza, que aumentou durante a pandemia. “De acordo com a Fundação Getúlio Vargas, a partir de janeiro de 2021, 12,8% dos brasileiros e brasileiras passaram a viver com menos de R$ 246 ao mês, isto é, R$ 8,20 ao dia”, lamentou.

Eliziane Gama observou ainda que as famílias mais pobres dependem unicamente do sistema público de saúde e, por isso, é mais afetada pelos problemas do SUS. Além disso, essas pessoas também estão mais expostas à contaminação do vírus, devido à falta de acesso à informação e à infraestrutura de saúde.

O projeto, apresentado em maio, ainda não tem relator definido.

Indicações de Othelino garantem ambulâncias para Dom Pedro e Benedito Leite


Othelino durante entrega de chave de ambulância para o prefeito de Benedito Leite, Ramón Carvalho, ao lado de Weverton Rocha, Flávio Dino e Márcio Jerry

Viabilizadas com Indicações do presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB), novas ambulâncias foram entregues aos municípios de Dom Pedro e Benedito Leite, nesta quinta-feira (29), em ato ocorrido no Palácio dos Leões, conduzido pelo governador Flávio Dino.

Os veículos integram um conjunto de dez ambulâncias disponibilizadas pelo Governo do Estado, visando reforçar o atendimento de urgência e emergência nos municípios maranhenses.

Além de Dom Pedro e de Benedito Leite, foram contemplados também os municípios de Amapá do Maranhão, Axixá, Brejo de Areia, Buriti Bravo, Coelho Neto, Luís Domingues, Trizidela do Vale e Tufilândia.

Presidente da Assembleia participa do ato de entrega de chave de ambulância para o prefeito de Dom Pedro, Galego Mota

No ato, Othelino Neto disse que a parceria firmada entre o Governo do Estado e os municípios, com apoio dos parlamentares, tem fortalecido o Sistema Único de Saúde (SUS), melhorando o atendimento na área e salvando vidas, principalmente, nesses tempos de pandemia da Covid-19.

"Mais uma ação importante voltada ao setor, que vai reforçar o sistema de saúde pública do Estado. Todos os municípios maranhenses já receberam ambulâncias para melhorar o atendimento na área e ajudar no enfrentamento à Covid-19. Iniciativas como esta contribuem para a consolidação do SUS, que tem mostrado efetividade no combate à doença”, enfatizou o parlamentar.

Veículos integram um conjunto de dez ambulâncias disponibilizadas pelo governo estadual para reforçar o atendimento de urgência e emergência nos municípios

Investimento

O governador Flávio Dino afirmou que, ao todo, já foram entregues 332 ambulâncias com um investimento de mais de R$ 60 milhões. “E a aquisição de outros veículos já está em processo para ampliarmos, ainda mais, o atendimento na área”, ressaltou.

A solenidade de entrega das ambulâncias também contou com a presença do vice-governador Carlos Brandão (PSDB), do senador Weverton Rocha (PDT), do secretário de Saúde, Carlos Lula; do secretário de Cidades, Márcio Jerry; do deputado federal Juscelino Filho (DEM), além dos deputados estaduais Glaubert Cutrim (PDT), Adelmo Soares (PCdoB), Roberto Costa (MDB), Vinicius Louro (PP) e Hélio Soares (PP), parlamentares que também fizeram Indicações para a aquisição de ambulâncias a outros municípios parceiros; e de prefeitos dos municípios contemplados.

Na cerimônia, o senador Weverton Rocha destacou a importância do fortalecimento do municipalismo. "O Maranhão é o estado que melhor atuou em defesa da saúde pública, no combate à Covid-19 nos municípios”, disse.

Agradecimentos

Os prefeitos de Benedito Leite, Ramón Carvalho, e de Dom Pedro, Galego Mota, agradeceram ao deputado Othelino pelas indicações das ambulâncias a seus municípios. “Só tenho a agradecer por receber esse equipamento tão importante para a saúde da nossa cidade”, disse Carvalho.

O prefeito Galego Mota também destacou a importância do reforço ao sistema de saúde de Dom Pedro. “A ambulância vai nos ajudar a salvar muitas vidas e a população se sentirá assistida", disse.

Othelino com o secretário Márcio Jerry, o senador Weverton Rocha e o deputado Roberto Costa

Weverton cumpre agenda em Sambaíba, Pastos Bons e Balsas


O senador Weverton (PDT-MA) cumpriu uma ampla agenda pelo sul do Maranhão na quarta-feira (28). Ao lado do governador Flávio Dino, o parlamentar visitou os municípios de Balsas, Sambaíba e Pastos Bons.
Em Balsas, com o prefeito da cidade, Dr. Erik, o senador participou da inauguração da Praça da Catedral, que foi totalmente reformada. O local ganhou piso novo, paisagismo, playground, academia e estacionamento.
“O espaço é uma opção ao ar livre para quem para quem quer fazer um piquenique, levar as crianças para brincar e se divertir. Os moradores vão gostar muito”, afirmou Weverton.
Já em Sambaíba, o senador participou da entrega de ambulância, cestas de alimentos do Comida na Mesa e da assinatura da ordem de serviço para início das obras de uma unidade da Praça da Família e de reforma do Centro de Ensino Dr. Paulo Ramos.

“Estas obras são importantes para melhorar qualidade de vida de quem vive na cidade”, ressaltou o parlamentar.
Weverton finalizou a agenda em Pastos Bons, onde participou da assinatura da ordem de serviço para pavimentação asfáltica, das ações de iluminação e urbanização da Avenida Domingos Sertão, da implantação de poços nos quilombos Cascavel e Jacu entrega e do lançamento de cursos profissionalizantes pelo programa Trabalho Jovem.

Famem incentiva adesão ao projeto Minha Terra e capacitação de equipes para regularização fundiária



Durante encontro virtual promovido pela Corregedoria Geral de Justiça nesta terça-feira, 27, sobre o Projeto Minha Terra, o presidente da Famem, Erlanio Xavier, confirmou a inclusão ainda no mês de agosto de representantes dos municípios do Maranhão no curso sobre regularização fundiária. 

O projeto Minha Terra é desenvolvido pela Corregedoria Geral de Justiça do Maranhão que visa dar apoio aos municípios para promover a regularização fundiária urbana e rural.

A corregedoria vem dando apoio na logística do que precisa ser feito e também indicando atores institucionais necessários para que o município receba doação de terras federais e estaduais.
 
“Os prefeitos precisam estar sensibilizados para o tema. E para que isso ocorra é preciso que tenham equipes capacitadas para o novo paradigma, para assim tenhamos uma maior dinâmica no processo de regularização da propriedade. Por meio da regularização fundiária urbana promovemos a alavancagem social”, destacou o presidente Erlanio, enaltecendo a participação do Poder Judiciário com o Projeto Minha Terra.

De acordo com a Lei 13.465, de 11 de julho de 2017, a Regularização Fundiária Urbana passou a ser de competência das prefeituras. Os municípios estão assinando termos de adesão ao projeto.

O encontro foi coordenado pelo Corregedor Geral de Justiça do Maranhão, desembargador Paulo Velten, com participação da  Juiza do Núcleo de Regularização Fundiária, Ticiany Palácio, da advogada Ana Cristina de Souza Maia, representante do CORI-MG e oficial de registro de imóvel de Mariana (MG), e participação dos prefeitos de Lagoa Grande, Policarpo (MDB), do chefe da Assessoria Jurídica da Famem, Dr. Santiago, e do secretário geral e diretor da Escola de Gestão da federação, Marcelo Freitas.

Para o desembargador Paulo Velten, os prefeitos precisam estar conscientes desse benefício. O corregedor citou o projeto piloto que está sendo desenvolvido em parceria com o Fórum Matopiba.

  “A regularização fundiária é um processo que depende da participação de todos: Judiciário, Ministério Público, Municípios, pessoal do extrajudicial. A participação da Famem nesse projeto é fundamental. Acreditamos na obtenção de resultados em pouquíssimo tempo”, afirmou Velten.

Ana Cristina Maia discorreu sobre a importância da regularização fundiária.

“A falta de formalização cria um gargalo econômico com sérias consequências para moradores e pequenas cidades”, assinalou a advogada.

A representante do CORI-MG frisou ainda que sem o bem registrado, as famílias não podem contar com créditos específicos. “Registro de propriedade é direito de proteção, com impacto na renda da família, no trabalho infantil e na arrecadação fiscal”, definiu.

No entendimento da advogada, a regularização fundiária produz enorme impacto positivo nos pequenos municípios.  Ana Cristina Maia citou a grande capilaridade de cartórios de registro civil nas cidades brasileiras como elemento facilitador da regularização.

Presidente da Famem visita novo presidente do TCE-MA e discute capacitação a gestores municipais

 


O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem), Erlanio Xavier, reuniu-se na manhã desta terça-feira (27), com o presidente do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA), conselheiro Washington Luiz Oliveira.

Na oportunidade, Erlanio e Washington Oliveira dialogaram e alinharam parcerias entre a Famem e o órgão de controle estadual no sentido de ofertar capacitação aos gestores municipais sobre a correta atualização de dados referente às prestações de contas municipais.

Erlanio destacou a colaboração que sempre houve entre as duas instituições e a continuação das parcerias. “A nossa gestão já vem de uma boa parceria com o ex-presidente Nonato Lago e hoje estamos aqui com o presidente Washington para pensarmos em novas e ampliadas ações conjuntas e avançar ainda mais nesse trabalho que rende tão bons frutos”, ressaltou.

Para o presidente Washington Oliveira, o encontro foi produtivo com vistas a realização de ações conjuntas em prol do Maranhão. “A reunião foi muito produtiva. Discutimos e ratificamos a continuidade de uma cooperação que já é histórica entre o Tribunal de Contas e a Federação dos Municípios do Estado do Maranhão. Vamos planejar algumas ações conjuntas em prol do desenvolvimento do nosso estado”, disse o presidente do TCE.

Participaram da reunião também, o prefeito de Bacuri, Dr. Washington, e o secretário Executivo da Famem, Marcelo Freitas.

AS LIÇÕES DE TOKYO 2021: DO ESPORTE PARA O MUNDO CORPORATIVO


Os medalhistas olímpicos Ítalo Ferreira e Rayssa Leal; e Ytaquirate Soeiro, Gerente de Gente e Gestão da Equatorial Maranhão.
Da preparação ao pódio, cada atleta olímpico reúne valores e habilidades essenciais também para profissionais

Nas Olímpiadas, quando se vê um atleta no pódio exibindo a sonhada medalha olímpica muitas vezes não conhecemos a trajetória de sacrifícios que antecede essa vitória. São histórias pessoais de garra, superação, foco e muita disciplina além de uma preparação que começou muitos anos antes.

Do esporte para o mundo corporativo, podemos aprender lições importantes e inspiradoras; e ter exemplos concretos de quais habilidades desenvolver e quais valores priorizar para alcançar o sucesso e a excelência.

Nesses Jogos Olímpicos de Tokyo 2020 a primeira grande lição é a resiliência. Todos os atletas que agora estão no Japão passaram por momentos de dúvidas e incertezas com o adiamento do evento. E vivenciaram também grandes desafios para manter suas respectivas rotinas de treinamento em dia, driblando períodos de lockdowns e se adaptando a novos protocolos sanitários.

Do Maranhão temos vários atletas que estão em Tokyo nessa Olimpíada, e todos eles são exemplos de força e superação.

As gêmeas Thalia e Thalita Costa estão na seleção de rubgy feminino. As irmãs maranhenses que jogam no time Delta Rugbi no Piauí precisaram vencer vários obstáculos como lesões e incertezas na convocação até chegarem a Tokyo juntas. Uma dupla vitória para Thalia que atua como hooker e Thalita que joga na posição de ponta.

Ana Paula Rodrigues, atleta de handebol tem 33 anos e é veterana, disputando sua quarta olimpíada. Ela acumula títulos como o Mundial de Handebol de 2013 além de três medalhas de ouro nos Jogos Pan-Americanos. Isso tudo é resultado de muita disciplina, técnica e trabalho em equipe. Mesmo na pandemia ela se manteve focada e para não parar de treinar, ela adaptou a sala e o terraço de casa quando não podia ir até uma academia. Eis outra lição relevante para o mundo corporativo: Tão importante quanto alcançar um grande resultado, é trabalhar com disciplina para manter o sucesso ou ir além.

Para o Gerente de Gente e Gestão de RH da Equatorial Maranhão Ytaquirate Soeiro é fundamental ter resiliência, muita disciplina e foco entre outras habilidades e competências comportamentais e emocionais, conhecidas também como soft skills, para alcançar o sucesso no mercado de trabalho, assim como esporte. Um relatório da consultoria internacional Deloitte já prevê que um terço das empresas vão priorizar as soft skills até 2030 nas suas contratações.

“Quando se mantém a disciplina, aprendemos a driblar eventuais problemas e obstáculos que surgirem até chegar à meta desejada. Nesse mundo cada vez mais complexo e mutante, os executivos precisam se preparar para surpresas indesejadas e mudanças repentinas. Ter resiliência e muita criatividade para achar saídas alternativas é fundamental”, diz Ytaquirate.

Equilíbrio emocional é outra habilidade fundamental a ser desenvolvida. Exemplo disso é o cavaleiro natural de Imperatriz e radicado há anos na Bélgica Marlon Zanotelli, que é forte candidato à medalha em Tokyo com seu conjunto formado com o cavalo campeão VDL Edgar. A dupla está no Top 10 do ranking mundial de hipismo, na modalidade de salto FEI Longines e disputa pela primeira vez uma olimpíada. Mas o que muitos desconhecem é a árdua rotina de preparação que tanto o cavaleiro, quanto o animal seguem todos os dias e que incluem cuidados com exercícios físicos, nutrição e também sessões com coaches para Zanotelli manter as emoções equilibradas e aumentar o estado de presença também conhecido como mindfullness. Um cavaleiro precisa estar perfeitamente presente e harmonizado ao animal na hora de um salto, passando segurança e equilíbrio.

Essa Olimpíada de Tokyo 2021 traz cinco novas modalidades, entre as quais o skate que já fez história com a prata conquistada pela Fadinha Rayssa Leal, de Imperatriz e que com 13 anos é a mais nova brasileira a competir e medalhar em uma olimpíada. Ela emocionou e uniu todo o país em sua conquista na modalidade se street feminino. Mesmo tão nova, a maranhense foi exemplo de calma e excelência, executando manobras radicais que são de altíssimo nível técnico. Ela lidou com a pressão de forma leve, se divertindo no esporte que escolheu e que tanto ama. Essa é outra lição para o mercado de trabalho – excelência é a chave para o sucesso e vale muito em ambientes que se baseiam na meritocracia; além de saber encarar a pressão como algo natural quando se busca uma nova conquista ou meta profissional.

Outro medalhista que fez bonito foi o surfista do RN Ítalo Ferreira, que conquistou o ouro e entra para a história como o primeiro medalhista olímpico de ouro dessa modalidade estreante em uma olímpiada. Filho de pescador que começou a surfar em uma prancha de isopor, ele lembrou da avó e dos pais quando venceu o adversário japonês e chorou muito além de agradecer a Deus e à família no pódio.

“Manter um trabalho de excelência como rotina deve ser a meta de todo atleta ou profissional que busca o sucesso. A excelência precisa ser trabalhada como um hábito, pois assim o sucesso será uma consequência. É importante nessa jornada não se frustrar com erros ou dificuldades que com certeza existirão, mas manter-se auto motivado até atingir o objetivo desejado mesmo sob pressão”, ensina Ytaquirate.

Outro exemplo de motivação e persistência é João Henrique Falcão, que integra a equipe brasileira de atletismo, e vai disputar a prova de 4x400 misto; modalidade de revezamento inédita nos Jogos Olímpicos. Natural do Piauí, ele treina na equipe do CT Maranhão. E só foi convocado de última hora, após a desistência de outro atleta nessa prova.

Seja para torcer pelos atletas maranhenses e brasileiros, seja para aprender com todos eles, vale ficar de olho nas Olimpíadas de Tokyo que estão nos dando grandes emoções e preciosas lições de garra e superação.

Saiba como passar as férias com mais segurança, e sem preocupações com a energia elétrica



O mês de julho é marcado pela paralização das aulas, e faz com que a criançada tenha tempo para diversão e descanso. É nesse momento em que os pais também aproveitam para tirar férias e passar mais tempo juntos. Acontece que, nessas férias e com todo mundo em casa, alguns acidentes com energia elétrica podem acontecer, e medidas de segurança são importantes para evitar que situações desagradáveis aconteçam. Por isso, a Equatorial Maranhão apresenta dicas de segurança com energia para o período.     

  

No caso da geladeira, dicas como não colocar roupas atrás da geladeira pra secar ou não abrir a geladeira descalço ou molhado são bem importantes. A situação da máquina de lavar é parecida, pois o risco de acidente é muito grande.   

   

As crianças gostam de utilizar o aparelho celular para assistir vídeos e jogar diversos jogos para diversão. Incentive as crianças a utilizarem brinquedos que não fazem uso da energia elétrica, como por exemplo jogos de tabuleiro. Existem jogos divertidos que dá pra brincar com toda a família.


Todo cuidado é pouco na hora em que o celular estiver carregando na tomada, a dica é a utilização do celular, após o carregamento completo na tomada. A dica é não utilizar o celular enquanto ele estiver carregando, caso necessite, retire o carregador da tomada.  

   

A atenção deve ser redobrada para as crianças, pois além de curiosas elas gostam de mexer em coisas perigosas. Exemplo de tomadas em locais facilitados para que elas toquem. A melhor forma de evitar que acidentes dessa natureza aconteçam é usar protetor para essas tomadas.   

  

Aproveite as férias para checar as instalações elétricas de sua residência, veja se não há equipamento elétricos com plugues quebrados, fios descampados ou tomadas sem proteção. Peça a um profissional qualificado em eletricidade para instalar o Disjuntor Diferencial Residual em sua casa para prevenir choques elétrico.  

 

A Equatorial Maranhão reforça essas medidas de segurança, para proteger toda a família, tendo em vista uma programação de férias mais tranquila e sem surpresas desagradáveis. Em caso de acidentes envolvendo energia elétrica, não tocar na vítima, pois a melhor forma é ligar para emergência no 192 ou 193. 

Por meio do Programa Atitude Ambiental da VLI, ruas da Vila Davi II receberão mudas para plantio


Moradores da Vila Davi II e acolhidos da Casa Menino Pródigo durante treinamento
Plantio ocorre nesta sexta-feira, 30, e era um desejo antigo da comunidade Moradores da Vila Davi II e acolhidos da Casa Menino Pródigo, em Imperatriz, participaram de treinamento para ação do plantio de mudas que ocorrerá no próximo dia 30 nas ruas do bairro. A iniciativa da VLI, por meio do seu Programa Atitude Ambiental e o Plano de Prevenção às Queimadas, com apoio da Prefeitura Municipal, atende a um desejo antigo da comunidade, que se ressente da falta de arborização na localidade.

O assistente de Meio Ambiente da VLI, José Carlos Lima Chaves, disse que essas ações de conscientização e capacitação nas comunidades são fundamentais para promover uma educação ambiental. "É incrível ver como os moradores abraçam as ideias e as colocam em prática. Promovem reflexões, pois eles (os moradores) têm muito conhecimento empírico, e aprendemos muito com a comunidade sobre meio ambiente", pontua

De acordo com Rachel Rodrigues, analista da Ser Integral, empresa que dá suporte à VLI nessas ações, os participantes receberam orientação sobre as espécies de plantas e noções de cuidados com ênfase para o aspecto da luminosidade, umidade, espaços e atenções para o desenvolvimento de plantas arbóreas, adubos e alternativas sustentáveis.

A ação faz parte, também, do trabalho de prevenção e conscientização das queimadas e incêndios, comuns na região. Ao todo, até este mês, a VLI já realizou, por meio do Atitude Ambiental, 173 atividades ao longo da Ferrovia Norte Sul.
Durante treinamento foram passadas orientações para o plantio que ocorre nesta sexta-feira, 30

A Diretora de departamento de educação ambiental e áreas protegidas da Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Imperatriz, Bárbara Rodrigues, também participou do treinamento e destacou a importância da arborização urbana, cujos benefícios estão relacionados à estabilidade climática, ao conforto ambiental, melhoria da qualidade do ar, bem como da saúde física e mental da população. Barbara também disse que, durante o encontro, foram definidas as espécies mais adequadas para o plantio.

A presidente da Associação de Moradores da Vila Davi II, Zuleide Ribeiro, disse estar feliz com essa iniciativa e informou que as mudas serão distribuídas pelas ruas do bairro. A ação de plantio acontece dia 30 a partir das 8h.

"Essa ação é muito bem-vinda para o bairro da Vila Davi II. É um desejo antigo dos moradores. Com as orientações vamos fazer o plantio em local adequado e como vamos cultivar as plantas. A comunidade agradece essa ação, que está sendo muito bem recebida", disse Zuleide.

Sobre a VLI

A VLI tem o compromisso de apoiar a transformação da logística no país, por meio da integração de serviços em portos, ferrovias e terminais. A empresa engloba as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais intermodais, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais como em Santos (SP), São Luís (MA) e Vitória (ES). Escolhida como uma das 150 melhores empresas para trabalhar pela revista Você S/A, a VLI também foi eleita a mais inovadora empresa de transporte e logística, pelo Prêmio Valor Inovação Brasil 2020, e conquistou o 1º lugar na categoria Transporte e Logística das Melhores, da IstoÉ Dinheiro. A VLI transporta as riquezas do Brasil por rotas que passam pelas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste.

quarta-feira, 28 de julho de 2021

PROGRAMA “SAÚDE JÁ” NA APAE DE SÃO LUÍS


Christiane Diniz, gestora da APAE de São Luís; Marília e Juan Pablo técnicos da SCRAA; a Coord. do Saúde Já Giselle Bayma, Rodrigo Cunha e Marcos Santos (SCRAA), Giselly Azevedo (SEMUS), Fabiana Guedelha e o Pres. da APAE de São Luís Vanderlaan Rolim.
A APAE de São Luís recebeu a visita da equipe de supervisão e suporte técnico da Secretaria Municipal de Saúde de São Luís, que foi avaliar o funcionamento do programa “Saúde Já” e o Ambulatório de Especialidades Médicas “São Francisco de Assis”, inaugurado recentemente na sede da entidade em parceria com a Prefeitura de São Luís. A SEMUS quer garantir a continuidade do padrão de atendimento da instituição que há 50 anos presta serviços de saúde à sociedade.

Integraram a comitiva da SEMUS Dr. Marcos Santos e Dr. Rodrigo Cunha, da Coordenação de Supervisão do SCRAA, juntamente com a equipe de suporte Técnico da Rede de Saúde representada pela Dra. Giselly Azevedo. Os visitantes foram recebidos pelo Pres. da APAE Sebastião Vanderlaan Rolim e sua equipe de gestores.

Esse novo serviço oferece diversos exames e especialidade médicas. O ambulatório conta com as seguintes especialidades médicas: Cardiologia, Clínica geral, Endocrinologia, Ginecologia, Reumatologia, Neuropediatria, Hebiatria, Ortopedia, Cirurgião Vascular, Psiquiatria e Ginecologia Infanto-Juvenil. E mais, exames laboratoriais, mamografia, tomografia, preventivo ginecológico e ultrassonografia.

A excelente relação entre APAE de São Luís e SEMUS tem garantido um atendimento de qualidades a todos os usuários do SUS.

 

PARCERIA ENTRE BRK AMBIENTAL E PICPAY OFERECE DINHEIRO DE VOLTA NO PAGAMENTO DE FATURAS NA PLATAFORMA


NOVA AÇÃO GARANTE CASHBACK PARA TODOS OS USUÁRIOS DO APLICATIVO
Vantagens de dinheiro de volta para clientes da BRK Ambiental que pagarem suas faturas pelo APP PicPay.
Para auxiliar os clientes no pagamento das faturas de água e esgoto e ainda oferecer benefícios em troca, a BRK Ambiental, empresa responsável pelos serviços de saneamento em Paço do Lumiar e São José de Ribamar e o PicPay retomam a ação que garante parte do dinheiro de volta no pagamento das contas emitidas pela concessionária.

Com essa campanha, os novos clientes cadastrados no PicPay recebem até 40% de cashback, com um limite de R$ 15,00, no pagamento à vista. Além disso, todos os clientes, usuários novos e já ativos na plataforma, podem receber até R$ 700,00 de volta e parcelar as contas em até 12 vezes no cartão de crédito.

Para os novos clientes do aplicativo que escolherem parcelar as contas, as condições oferecidas são: pagamento em 2 até 5 vezes recebem até 5% de volta; de 6 a 11 vezes garantem 10% de retorno; e em 12 vezes tem um cashback de 20%. Aos usuários que já utilizaram o PicPay, os percentuais de cashback são: 2 a 5 vezes recebem 10%; de 6 a 9 vezes 15%; 10 ou 11 vezes 20%; e em 12 parcelas o retorno é de 30%. Em todas as situações, o valor limite que o cliente pode receber de volta é de R$ 700,00.

A nova campanha comercial da parceria entre BRK Ambiental e PicPay já começou e se estende até o dia 12 de setembro.

“A parceria com o PicPay é mais uma alternativa para auxiliar os nossos clientes no pagamento das contas de água e esgoto, queremos oferecer soluções que sejam atrativas para todos. Além disso, com o crédito gerado, é possível utilizar os valores para o pagamento das próximas faturas ou em outras operações disponibilizadas no aplicativo”, explica Raniere Siqueira, gerente comercial da unidade BRK Ambiental Maranhão.

Caso o pagamento seja aprovado imediatamente, o comprovante fica disponível no aplicativo. Em situações em que for necessária a análise de segurança do cartão de crédito, o cliente deverá aguardar o e-mail e/ou notificação do PicPay.

A BRK Ambiental oferece ainda a opção de pagamento das faturas com cartão de crédito, para isso basta cadastrar os dados do cartão na agência virtual Minha BRK (minhabrk.com.br) e o pagamento é debitado automaticamente a partir da próxima conta emitida. Os clientes também podem optar pelo serviço de internet banking ou o débito automático para quitar as faturas.

PASSO A PASSO PARA REALIZAR O PAGAMENTO NA PLATAFORMA PICPAY:
Baixe o aplicativo nas lojas de aplicativo Google Play ou AppStore;
Faça o cadastro seguindo os passos demonstrados na tela inicial do PicPay;
Após o login efetuado, selecione a opção “Pagar conta”;
Escolha entre ler ou digitar o código de barras manualmente. Em caso de faturas digitais, basta copiar o código de barras e selecionar a segunda opção;
Confira o valor na tela e toque em “Próximo”;
Confirme os dados bancários, sua forma de pagamento, a quantidade de parcelas e toque em “Pagar”.

TEMPOS ASSISTENCIAIS: INDICADORES DE QUALIDADE OU OPERACIONAIS?



No setor de saúde, as instituições mais maduras e que trabalham com conceitos de gestão de qualidade e excelência operacional estão muito familiarizadas com indicadores. É consenso que só conseguimos evoluir se medirmos e avaliarmos os pontos mais importantes para a instituição. 

Entre os indicadores do sistema de saúde temos vários que se correlacionam à capacidade operacional ou estrutural, os chamados indicadores de eficiência ou desempenho da instituição. Também há outros que se relacionam à qualidade da assistência e segurança do paciente.  

Em 2002, a Agency for Healthcare Research and Quality (AHRQ) definiu indicadores de segurança do paciente (PSI) como “indicadores da qualidade específicos que refletem a qualidade do cuidado nos hospitais, mas focam em aspectos da segurança do paciente". Especificamente, os PSI rastreiam problemas que os pacientes vivenciam como resultado da exposição ao sistema de saúde, e que são susceptíveis à prevenção, através de mudanças ao nível do sistema ou do prestador. 

Na Vital Gestão, entendemos que os acordos de tempos assistenciais relacionam as metas de tempos que devem ser alcançadas no atendimento do paciente dentro da unidade para a realização de um processo. Também defendemos que esses acordos devem ser de conhecimento de todos da organização de saúde, sejam eles envolvidos direta ou indiretamente com o processo. Assim, caso alguma dessas metas deixem de ser cumpridas, qualquer um possa ter a liberdade de agir para corrigi-la.

Qualidade e segurança 

Em uma análise rápida, ao falarmos de tempo para execução de um processo, tempo para entrega de um resultado e outros tempos do processo assistencial, podemos pensar erroneamente que estamos discutindo ou medindo eficiência operacional. Isso pode levar a uma falsa interpretação de que queremos que as pessoas se preocupem apenas com a velocidade do processo. Essa é uma premissa falsa. A verdade é que estamos tratando de qualidade e segurança do paciente na sua essência. 

O primeiro acordo de tempos assistenciais nas unidades de pronto-atendimento é o “tempo senha – classificação de risco”, que deve ser de dez minutos, como é definido pelo Protocolo de Manchester. Ele busca garantir a classificação de risco em tempo hábil, sendo de suma importância para garantir acesso ao sistema de saúde de urgência e emergência. Acesso é um dos pilares da qualidade em saúde definido por Donabedian. 

Segurança do paciente

Um dos principais acordos é o “tempo de tomada de decisão”, que é o tempo que o médico deve levar entre a consulta e a reavaliação do paciente para avaliação clínica e resultados de exames para definir qual a conduta será tomada. Controlar o tempo de tomada de decisão está relacionado a garantir reavaliação do paciente com brevidade, de acordo com seu quadro clínico e a garantia da realização de todos os exames em um curto espaço de tempo. A tradução disso é segurança do paciente, pois evitamos dano pela espera exacerbada. 

Um eletrocardiograma realizado em até dez minutos diante de um protocolo de dor torácica é prioritário em relação a um exame com indicação de rotina; um antibiótico aplicado em até uma hora em um protocolo de sepse é prioritário em relação a medicações sintomáticas. Essa análise e ações são referências de equidade, que é outra dimensão da qualidade.

Eficiência

Medir os tempos assistenciais é só uma parte do processo. Quando estabelecemos metas e começamos a medi-las temos a responsabilidade de dar ferramentas e fazer um trabalho de educação permanente para que todos possam cumprir as metas. Quando buscamos reduzir tempos assistenciais, queremos que as pessoas executem suas tarefas com eficiência, dando todos os passos necessários para garantir a segurança e que sejam eliminados os desperdícios envolvidos. Eficiência é outra dimensão da qualidade, assim como o esforço de melhoria que só é alcançado somando educação e indicadores. 

Os tempos assistenciais acordados são indicadores de qualidade e segurança de grande importância pela sua característica prática imediata, universalidade para todas as equipes e setores e que podem ser facilmente aplicáveis. Se temos que medir para melhorar, vamos começar medindo o que pode ter impacto de melhoria imediata e os tempos assistenciais podem ter esse potencial. 

*Vinicius Menezes é CEO da Vital Gestão, médico cardiologista e gestor de Assistência e Qualidade do ISAC. Entusiasta da "Governança Assistencial" no Brasil, levando instituições de saúde ao próximo nível.